Novato em campanhas eleitorais, o ex-juiz federal Wilson Witzel (PSC) se elegeu governador do Rio de Janeiro, ontem, com uma vitória por margem superior à que apontavam as pesquisas de intenções de voto e de boca de urna. Witzel terminou a apuração com 59,87% dos votos válidos, contra 40,13% de seu adversário, o ex-prefeito do Rio Eduardo Paes (DEM).


Ainda está longe o prazo de pagamento do salário de outubro do funcionalismo estadual: pelo calendário oficial, o governo fluminense tem que fazer o depósito no décimo dia útil, ou seja, em 16 de novembro. Mas a equipe do governador Luiz Fernando Pezão quer antecipar o crédito para os mais de 400 mil funcionários ativos, aposentados e pensionistas para antes do feriado da Proclamação da República, no dia 15.

O Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ) divulgou um raio-X dos eventos de trânsito envolvendo vítimas socorridas pela corporação em 2017. A publicação Vidas em Trânsito, disponível no site da instituição, tem como base os atendimentos pré-hospitalares realizados no território fluminense envolvendo veículos terrestres.


Uma parte do programa de refinanciamento de dívidas com o Estado do Rio finalmente vai começar a valer. Na segunda-feira (22.10), foram publicadas duas resoluções - uma da Procuradoria Geral do Estado (PGE) e outra da Secretaria de Fazenda - que estipulam prazo de adesão e redução de juros e multas.

A Operação Lei Seca bateu a marca de 3 milhões de motoristas abordados. Em nove anos de atuação, a operação tem contribuído para a mudança de hábito da população fluminense. A cada ano, o número de pessoas alcoolizadas flagradas ao volante vem caindo, hoje esta redução é de 45%.

Pesquisa Datafolha divulgada na quinta-feira (18.10) indica que o candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, tem 59% dos votos válidos, enquanto o candidato do PT, Fernando Haddad, aparece com 41%. No levantamento da semana passada, o candidato do PSL tinha 58% dos votos válidos, e o petista, 42%.