FIA e Segurança Presente distribuirão pulseiras de identificação para crianças e adolescentes no Carnaval

 

“Criança Segura é Criança Identificada". Esse é o lema da campanha de Carnaval deste ano do SOS Crianças Desaparecidas, da Fundação para a Infância e Adolescência (FIA). O lançamento da campanha, que acontece hoje  (22.02), às 11 horas, na base da Operação Centro Presente, em frente ao Museu do Amanhã, na Praça Mauá. O evento contará com a presença da secretária de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SEDSDH), Fabiana Bentes, do superintendente das operações da Secretaria de Governo, major Carlos Eduardo Falconi, e terá a participação especial de 20 crianças passistas de 16 escolas de samba mirins do estado.

No período do Carnaval, serão distribuídas 390 mil pulseiras de identificação para crianças e adolescentes a fim de evitar que eles se percam dos seus responsáveis em locais com grande aglomeração de pessoas, como nos blocos de rua e desfiles. As assistentes sociais das operações Segurança Presente, ficarão responsáveis pela distribuição nas bases do Centro (Central do Brasil, Praça XV, Praça Mauá e Largo da Carioca), Aterro do Flamengo, Lagoa Rodrigo de Freitas, Méier, Tijuca, Leblon e Ipanema.

O material também será distribuído nos polos da Guarda Municipal e nos desfiles de escolas de samba e blocos, além de locais de grande concentração como rodoviária, estações de metrô e Central do Brasil.

Para a secretária de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SEDSDH), Fabiana Bentes, a iniciativa é extremamente importante para trazer tranquilidade aos pais e segurança às crianças e adolescentes.

- Conscientizar os responsáveis por crianças sobre a importância da identificação por meio de pulseiras é essencial para facilitar a localização no caso de qualquer incidente. Vamos contribuir para que todos possam aproveitar o Carnaval com segurança - explicou Fabiana.